já fizeram uma visitinha

Amazing Counters
- desde o dia 14 de Junho de 2007

sábado, 13 de agosto de 2011

Presidente da AR provoca acidente em Faro

festejos laranja começam com fruta ácida

Assunção Esteves vinha distraída? Depressa demais, lá isso, vinha; porque é velocidade excessiva a que não permite parar no espaço disponível à sua frente.

E como a presidente da Assembleia da República vinha,,, um bocadinho nas nuvens, há bocado, à saída de Faro, não reparou que dois carros à sua frente tinham parado para dar passagem a uma idosa que atravessava na passadeira.

Vai daí… pimba! bateu com estrondo no veículo que estava à sua frente, o qual, por sua vez, foi atirado para cima da velhota.

Resultado: a senhora idosa foi parar em estado grave, ao hospital. Três carros ficaram amolgados e os donos com as férias estragadas.

E Assunção Esteves? Bem, essa deve estar arrependida de ter vindo, atrás de Cavaco e de Passos Coelho, passar férias ao Algarve, como se o país estivesse a nadar em prosperidade.

Deixe lá Assunção. A festa no «pontal de Quarteira» irá ajudá-la a descalçar esta «bota»…

12 comentários:

Anónimo disse...

Que grande noticia, se fossem noticiar todos os acidentes do genero que acontecem com pessoas comuns, so em Quareira nao faziam mais nada, lol

Raul disse...

E quak a velocidade do Carro dessa senhora???para fazer tal estragos?

Mauro disse...

Deixa ver se percebi. Não travou a tempo e embateu na traseira de outro que já estava parado (velocidade excessiva, provável não excesso de velocidade e não guardou distância suficiente da viatura que seguia na sua frente). A viatura em que bateu foi impulsionada de encontro a outra, que também já estava parada que, por sua vez, foi atingir a idosa na passadeira. Drª Assunção Esteves, está metida numa alhada das grandes! Deus a proteja... (eu sei que os deuses a protegem...) Não estavam lá era para travar o carro...

Rocha disse...

sendo do PSD não faz mal ! e mais . . . a velha é que não tinha nada que estar na passadeira naquele momento

Osório disse...

Vá lá,não sejam mauzinhos com a Sra Presidente da Assembleia da República.Trata-se duma deputada do PSD,como sabem eleita por uma maioria consensual,em troca dum tal Nobre,autentico troca-tintas.Quanto às razões do acidente,poderemos especular com o excesso de velocidade,com a distracção da condutora,com o piso molhado ou com areia,com a falta de luzes de stop do carro da frente,com tudo e mais alguma coisa.Assim,poderia a douta deputada/presidente ir a pensar nas mentiras que ouviu na AR ao seu companheiro PPC,ou nas explicações nada convincentes do ministro das finanças para o tal desvio colossal,enfim,uma data de coisas que lhe tiram o sono,pois segundo consta o carácter da dita é impoluto,coisa rara na classe política e dai o seu stress

Anónimo disse...

O que revolta é em Portugal apenas haverem cidadãos de 1ª e de 3ª categoria, os primeiros tem imunidade e dinheiro dos impostos à farta, os de 3ª servem apenas para proporcionar uma qualidade de vida cheia de mordomias. Por isso o parlamente agora entrado em funções já aumentou a despesa em 16 milhões de euros, porque seria?

Mesquita disse...

Se causou um atropelamento numa passadeira devia ser constituída arguida e, depois, PRESA.

Anónimo disse...

Ia com a cabeça no ar a pensar no buraco financeiro da Assembleia da Republica, a onde a secretaria geral disse que não precisavam de lições de ninguém, vê-se, os funcionários com regalias diferentes dos demais funcionários públicos (é ai que se poupa!?).

Anónimo disse...

Apoiado Mesquita; a 2º "figura" do Estado não está acima da lei...

Marracho disse...

Ao menos soprou o balão?É que eu já vi uma mulher a beber,e para fazer tudo isso só pode estar com os copos.

Zé Falua disse...

A que horas é que isto aconteceu? Talvez ajude a esclarecer o assunto.

Sofia disse...

o acidente foi as 19h30