já fizeram uma visitinha

Amazing Counters
- desde o dia 14 de Junho de 2007

terça-feira, 31 de julho de 2007

A BUFARIA, A VÍTIMA E A MENTIRA

não teve coluna vertebral para assumir
.
“[…] será que ninguém reparou que o ‘pobre e oprimido’ professor [Charrua] mentiu com os dentes todos? Se é verdade que o seu processo disciplinar é inadmissível e preocupante, não é menos verdade que o despacho de acusação - cujo conteúdo, sublinhe-se, não foi contestado nem por Charrua nem pela sua advogada - é claríssimo e desmente a versão que o professor sempre fez passar aos media - a de que se teria limitado a dizer uma piada sobre a licenciatura de José Sócrates. Chamar "filho da puta" ao primeiro-ministro (a frase exacta é: "somos governados por uma cambada de vigaristas e o chefe deles todos é um filho da puta") não é uma graçola inocente - é um insulto a Sócrates e à sua mãezinha.

[…] Mas é igualmente um facto que o 'heróico professor' Charrua, que anda para aí a armar-se em vítima da liberdade de expressão, não teve coluna vertebral para assumir publicamente o que se passou e as palavras que proferiu. […]

Fernando Charrua não precisava de vir para as televisões confessar "eu chamei filho da puta ao primeiro-ministro". Mas devia ter dito: "Quaisquer excessos de linguagem que tenha cometido aconteceram no decorrer de uma conversa privada e ninguém tem nada a ver com isso." Tivesse-o feito e mereceria todo o meu respeito. […]”
in “Diário de Notícias”, 31/jul, por João Miguel Tavares, jornalista

O professor sabe perfeitamente que infringiu um preceito punível pelo Estatuto Disciplinar. Armar-se em vítima só serviu interesses político partidários do mais baixo nível.

Será possível que, um dia, sejamos capazes de fazer da política uma coisa “séria”?!

,

DESPREZO PELA VIDA E SEGURANÇA ALHEIA

um monte de pedras no meio da estrada
.

Há vários meses, foi anunciado, pela Câmara Municipal de Loulé, que a estrada que liga Quarteira a Almancil iria entrar em obras de beneficiação.

Os meses passaram, chegou o Verão e os turistas também e… nada!

A estrada continua uma ratoeira para quem a não conhece, com curvas fechadas, sem visibilidade e sem sinalização horizontal, num convite aos desprevenidos para uma ultrapassagem suicida.

Os traços - contínuos ou não -, só por fantástica inspiração podem ser vislumbrados.

A incúria, o desprezo inexplicável pela segurança e vida dos cidadãos começa a ser uma insuportável forma de estar na governação do concelho e da freguesia.

A situação que trazemos hoje é paradigmática desse desprezo e desse desleixo: há já várias semanas que, na bifurcação dessa estrada para o Almargem, começou a soltar-se a calçada e a formar- -se um monte de pedras de inacreditáveis proporções.
Pois sabem o que foi feito, para remediar o problema? A CML mandou instalar uma pequena grade de ferro que, sobretudo de noite, consegue passar despercebida.

E pronto. O buraco continua lá, o monte de pedras cresce de dia para dia, já houve carros que ali tiveram um mau encontro, tudo sob o olhar indiferente dos autarcas e dos fiscais do município que, a toda a hora cruzam no local, ao volante dos decorados carros da CML.

Uma demonstração exemplar do respeito que os munícipes e fregueses merecem por parte das nossas autarquias!

.

segunda-feira, 30 de julho de 2007

FINS DE SEMANA 5 ESTRELAS

sócrates vale 1300 €/noite
,
"O Governo “tirou o fim-de-semana” para anunciar hotéis de topo, e ficou a dormir em Albufeira, sem baixar o nível. A comitiva que acompanhou José Sócrates na iniciativa “Governo Presente” ficou hospedada num hotel de 5 estrelas, em plena época alta.
Segundo informações recolhidas pelo Observatório do Algarve, José Sócrates e a sua comitiva ficaram instalados no hotel Grande Real Sta Eulália, em Albufeira, e tinham 11 quartos reservados. José Sócrates terá mesmo reservado uma das suites principais, que a preços de mercado ronda os 1300 euros por noite.
Os restantes quartos oscilam entre os 300 e os 640 euros por noite, conforme se tratem de quartos normais ou suites. [...]"
In
in “Observatório do Algarve”, 30/Jul


Bons exemplos! Quer dizer que o país está a sair da crise...
E nós “à rasca” por causa do dia 8 !...


.

CARNAVAL DE VERÃO EM LOULÉ

e nós a vê-los brincar…
.
Noddy e Shrek irão ser os principais atractivos do Carnaval de Verão que se irá realizar em Loulé, em 4 de Agosto, na Avenida José da Costa Mealha. Pretende a Câmara de Loulé atrair, deste modo, o interesse das crianças.

Depois do Festival Med, do Festival do Jazz, da exposição de Serralves, de… de… agora vem o famigerado Carnaval de Verão.

Animação à farta para uma “cidade de turismo balnear” como é Loulé!
Entretanto, QUARTEIRA QUE SE LIXE !...

.

TORNEIO DE FUTEBOL LOULETANO

quarteirense na abertura do torneio

A Câmara Municipal de Loulé vai promover, no próximo dia 11 de Agosto, no Estádio Algarve, o 1º Torneio de futebol sénior, denominado “Loulé Concelho”.
Participarão as quatro principais equipas do concelho – Louletano, Quarteirense, Almancilense e Campinense.

O primeiro jogo disputar-se-á às 19h00 e vai opor Louletano e Quarteirense.

.

DESPORTO EM AREIAS DE QUARTEIRA

portugal campeão em ténis de praia
.
No quarto torneio do Seat Open de Portugal, disputado na praia de Vilamoura, o duo representativo de Portugal na competição de ténis de praia, constituída por Nuno Marques e Emanuel Couto, derrotaram, na final o duo espanhol Ignácio Pérez e Borja Abecia por 4-6, 6-2 e 10/4.

Emanuel Couto

Na final de vólei com os pés, futevólei, Pedro Salvador e Carlos Baptista, que constituíam a equipa portuguesa, perderam diante dos brasileiros Hermes Júnior e Welinton Silva por 18/8 e 18/11.
.

ESPIÕES ROUBADOS!

um agente distraído... fica a pé!
.
O Serviço de Informações de Segurança ainda não apanhou o rasto de um dos seus automóveis de serviço, furtado, há cerca de três meses, durante um momento de distracção de um dos agentes da secreta que, na Quinta do Lago, vigiava a casa onde está alojado Jean Pierre Bemba, líder da oposição na República Democrática do Congo.

Este político está autorizado a receber tratamento médico em território português, uma vez que é dono de uma casa na Quinta do Lago. Caso regresse ao seu país, enfrentará acusações de alta traição.

Dentro da viatura, roubada aos “espiões” portugueses, um Fiat Stilo cinzento, estava todo o material de observação utilizado pelo SIS nas suas operações.

A queixa do furto foi apresentada de imediato no posto da GNR de Vilamoura, mas, até ao momento, ainda não há novidade sobre o paradeiro do veículo ou sobre o autor do furto.

E ainda dizem que o governo de Sócrates assenta na espionagem !

.

OS DEZ NOVOS PROJECTOS TURÍSTICOS

não vão contra o protal…
.
"O primeiro-ministro garantiu hoje que os 10 novos projectos turísticos apresentados esta manhã para a região não contrariam o Plano Regional de Ordenamento do Território do Algarve (PROTAL), que ainda não entrou em vigor.
Questionado pelos jornalistas [...], Sócrates disse apenas que representam uma boa notícia para o Algarve e que cumprem todos os padrões de exigência ambiental."

In “Observatório do Algarve”, 28/Jul

Pois… e se o PROTAL nunca chegar a entrar em vigor, nunca haverá nada que vá contra ele!
.

O MISTÉRIO DA PIRULITA

contributo mordaz de um leitor
.
A nossa caixa do correio transborda de achegas e informações, de sugestões para abordagem de novos temas. A todos agradecemos o interesse. Mas também pedimos compreensão: temos as nossa limitações e temos uma "linha editorial" que, não estando propriamente expressa e divulgada, define, no entanto, a orientação deste blogue.

“Iremos” onde e até onde pudermos; aceitaremos as sugestões que se nos afigurem pertinentes mas, por favor, não pretendam que o nosso rumo seja aquele que cada um de vós desejaria.

Entre as muitas propostas e colaborações, acabamos de receber a que aqui vos deixamos. Oportuna, espirituosa, mordaz…
.
AFINAL A PIRULITA ESTÁ
NA MADEIRA!
.
Alberto João Jardim, presidente do Governo Regional da Madeira, apelou neste domingo ao Presidente da República para que vete as “leis fascistas” do executivo liderado por José Sócrates, a quem acusou de “pôr em causa a coesão nacional”.
“Nunca o separatismo teve um aliado tão grande”, afirmou Jardim, na tradicional festa do PSD, em Chão da Lagoa.

Marques Mendes juntou-se a Alberto João, no ataque a José Sócrates. O líder do PSD acusou o Primeiro-ministro de não respeitar a autonomia da região e de só ter “palavras de ataque” para com a Madeira.

DIÁLOGO PIRULITADO
.
Meneses: Chamavam-nos eles "pirulitos"...
Santana: Afinal, os narizes assentam-lhes bem!

.

domingo, 29 de julho de 2007

HOSPITAL CENTRAL DO ALGARVE

a funcionar em 2012

O Hospital Central do Algarve, como há muito vinha sendo anunciado, será construído no Parque das Cidades. Está orçado em cerca de 200 milhões de euros, e será em parte suportado por financiadores privados.

Há um ano, em Julho de 2006, o ministro criou um grupo de trabalho para definir as características que a unidade hospitalar deveria oferecer.

Esse estudo que define o perfil assistencial, a área de influência e o dimensionamento do novo hospital, foi hoje apresentado pelo ministro da saúde, na presença do primeiro-ministro José Sócrates.

O hospital deverá comportar 549 camas (o Hospital Distrital de Faro tem 492), mais 15 de cuidados paliativos, e terá dez salas operatórias, 46 gabinetes para consulta externa e 43 postos de hospital de dia. Entre as novas especialidades, contam-se: neuroradiologia, endocrinologia e nutrição, genética médica, angiologia e cirurgia vascular, cirurgia pediátrica e radioterapia.

Correia de Campos, o ministro da saúde, afirmou que o concurso deverá ser lançado no início de 2008, para que a nova unidade comece a ser construída no ano seguinte e entre a funcionar em 2012.

É tempo de o Algarve começar a bastar-se a si próprio!

.

ESTUDANTES UNIVERSITÁRIOS

como seria a vida da cidade de faro, sem eles?
.
“[…] conhecendo há alguns anos o fervilhar da cidade de Faro e a sua dificuldade em se inserir na dinâmica da região, tomo a liberdade de propor a quem de direito que sejam criadas as condições para erigir um outro monumento [para além do proposto monumento aos motards], desta vez homenageando os estudantes universitários.

Estes bravos jovens povoam as ruas de Faro há mais de 25 anos. Emprestam a sua generosidade a diversas iniciativas que valorizam a cidade.

Animam o comércio local ao longo de todo o ano, consumindo bens de primeira necessidade e cedendo essa posição, no mês de Agosto, aos turistas.

Ajudam as famílias com maiores dificuldades da cidade, compensando-as e obtendo em troca uma cama e roupa lavada ao longo de dez meses em cada ano.

Mas são igualmente os estudantes que justificam os quase 2000 funcionários que laboram na Universidade, entre docentes e não docentes. […]"

in “Observatório do Algarve”, 17/Jul, por João Guerreiro, reitor da UALG


Agora, que nem sequer temos uma escola profissional, perguntamos nós:

Como seria a vida da cidade de Quarteira se aqui houvesse um pólo universitário?

.

ACHARAM A PIRULITA !

andava a impingir balões...
. Um leitor amigo teve a gentileza de nos enviar ontem, por e-mail, duas fotos recolhidas na “animação” do ‘Calçadão’.

Segundo ele, uma das fotos refere-se, nada mais, nada menos, que à misteriosa “Palhaça Pirulita” que o site da Junta de Freguesia anunciava como uma das animações da nossa bela avenida marginal, no mês de Julho.

O nosso amável leitor esclareceu que a palhaça da foto tem andado no ‘Calçadão’ se não todas, pelo menos, quase todas as noites, tentando “oferecer” balões aos passeantes e aos clientes das esplanadas, estendo depois a mão, à espera de… retribuição.

Se é realmente a Pirulita, também já a tínhamos vislumbrado por lá e também a nós ela já tinha tentado “oferecer” um balãozinho.

A palhaça não faz uma momice, não brinca com uma criança, não dá uma cambalhota e nem sequer tenta ser engraçada. Só isso: anda de um lado para o outro, enchendo balões que tenta impingir a quem os não deseja.

Se, na verdade, se trata da “Palhaça Pirulita” gostaríamos que o presidente da Junta de Freguesia esclarecesse que critério utilizou na sua contratação e por que razão apresenta, na “agenda cultural” da autarquia, esta forma de mendicidade – que nem sequer é disfarçada.

Às vezes, dá ideia que são as próprias entidades que têm por obrigação pugnar pelo bom-nome da cidade e da freguesia que, deliberadamente, a envolvem em metáforas terceiro-mundistas.
.

MAIS OUTRA FESTA FOI AO AR

não vai haver festival da sardinha!
.
Confirmou-se o que o ‘Calçadão de Quarteira’ aqui dissera há dias: alguém, na Junta de Freguesia de Quarteira pretendeu, este ano, realizar o Festival da Sardinha 2007, no Largo 1º de Maio, Rua da Gaivota e Rua das Laranjeiras.


Parece mentira? Pois parece impossível que tenha passado pela cabeça de alguém meter um festival, que costuma atrair milhares e milhares de pessoas, desta vez, em ruas estreitas (e pouco fácil acesso) da cidade velha, onde nem existem sequer condições de salubridade e higiene para o viabilizar.

Já tinham contratado artistas para animar a festa e até um grupo folclórico. Já tinham mesmo “alugado” um quintalão, com o intuito de o adaptar a parque de estacionamento, para ser usado somente nesse dia. Tudo feito à medida dessas “cabecinhas pensadoras”!

Enfim, os moradores é que não gostaram de semelhante sandice e mobilizaram-se para protestar, com os restaurantes da zona a encabeçar o movimento. Não queriam os odores e os fumos que se colam, por semanas, às ruas, às casas e às roupas, não queriam a algazarra a entrar-lhes às escâncaras pelas janelas necessariamente fechadas, não queriam aturar as bebedeiras e os seus efeitos…

Lá foram à Junta, na passada 3ª feira. Desta vez, a autarquia teve de ceder. Restavam-lhe poucos caminhos alternativos!

E pronto! Este ano, a sardinha não tem festa, a grelha para as assar que mereceu designação no Guiness Book, fica a descansar.

Depois da anulação, há semanas, da Festa dos Pescadores, por temor à ASAE, chega a anulação do Festival da Sardinha, por ausência de lugar adequado para o realizar!

E não houve tempo para estudar alternativas? Parece que não; as nossas autarquias têm estado muito activas a criar tantas estruturas e melhoramentos para a cidade... não acham?

Vamos de mal a pior!

.

sábado, 28 de julho de 2007

ÂNSIA DE DAR NAS VISTAS

bota-abaixo – prioridade de bota?
.
Na passada quinta-feira, o líder do PSD/Algarve, Mendes Bota, classificou "um passe de mágica" a mudança de estatuto do hospital de Faro, num comunicado que enviou à imprensa, acerca da visita de José Sócrates ao Algarve, neste fim-de-semana.

Como dissemos noutro local, o novo hospital central será um dos temas que Sócrates vem abordar, pois essa transformação implica, para já " a sustentabilidade da instituição e abre-se caminho para novos investimentos em áreas tecnologicamente mais desenvolvidas", segundo comunicado da própria direcção hospitalar.

O mesmo comunicado da direcção do estabelecimento de saúde de Faro afirma que esta transformação de estatuto implica uma situação de "fim de linha" em áreas como a intervenção cardiológica, materno-infantil, nefrologia, oncologia, neurocirurgia e urgência/emergência, entre outras.

Bota, na sua ânsia de protagonismo, não pára de fazer afirmações insustentadas, sem se preocupar com os prejuízos e incómodos que isso possa causar às instituições e à população de todo o Algarve.

Afinal, qual é a prioridade de Bota: ele próprio, ou o Algarve?

.

IDEOLOGIA AINDA CONTA ?

marca de esquerda é cumprir a democracia

"[...] Não há marcas de esquerda neste Governo. Essas deviam estar no terreno social mas, como já vimos, os direitos sociais estão um pouco proscritos. Por exemplo: não consi-dero uma marca de esquerda ter promovido o referendo ao aborto, apesar de ter votado sim. Marca de esquerda era cumprir a democracia política, social, económica e cultural. Dentro do Estado Social o direito à Saúde é fundamental. E aí as marcas não são de esquerda...
[...]
A ideologia ainda conta? Ainda faz sentido falar-se em socialismo! E de forma mais acutilante, embora o meu seja mais ético do que ideológico. Há novas formas de opressão, a própria União Europeia é uma congregação de multinacionais que têm no Conselho e na Comissão os seus representantes. O que resta da utopia socialista é o Estado Social. Por isso, é importante defendê-lo. O socialismo é encurtar diferenças sociais e reduzir desigualdades. No fundo, mudar a vida. [...]"

in revista “Visão”, 26/Jul, entrevista de António Arnaut, socialista nº 4 e criador do Serviço Nacional de Saúde
.
Ainda há quem não acredite que “a geração que está no poder aprendeu com Maquiavel”…
.

POPULAÇÃO PORTUGUESA ENVELHECE

não tem a poção da eterna juventude!
.
“ […] este Governo acredita numa Segurança Social pública forte como viável e implementou um conjunto de reformas que têm a ver precisamente com o garantir essa sustentabilidade no futuro próximo. Alterou a forma de cálculo das pensões que é uma coisa muito importante e marcante porque o sistema de cálculo das pensões tem a ver com o facto de todos envelhecermos – a população portuguesa está a envelhecer […]”
I
in “Jornal do Algarve”, 25/Jul – entrevista de Jorge Botelho, director regional da Segurança Social do Algarve

.
Bom, só nos resta uma solução: ir viver para Ayamonte e ficamos jovens para sempre…
.

BANCA CADA VEZ MAIS RICA

3 bancos lucraram 4,7 milhões por dia
..

"Os três maiores bancos privados portugueses registaram o resultado líquido total de 867,8 milhões de euros nos primeiros seis meses deste ano. Ou seja: lucraram diariamente 4,755 milhões de euros de Janeiro a Junho últimos.


A instituição financeira mais lucrativa foi o BES. O Banco presidido por Ricardo Espírito Santo Salgado ganhou 366,8 milhões de euros no primeiro semestre de 2007.

Na segunda posição dos bancos que apresentaram contas relativas ao primeiro semestre do corrente ano ficou o BCP [lucrou 307,9 milhões de euros]."
in “Correio da Manhã”, 28/Jul
..

Então por que não pagam impostos na mesma proporção do português comum?

.

DESPORTO NA PRAIA DA MARINA

‘bora lá ver?
.
Começou, na praia da marina, uma edição da Seat Sports Beach Cup, que inclui competições de footvolley e de beach tennis, numa organização da empresa Premier Sports.


.
O “beach tennis”, mais prosaicamente e em português corrente, o ténis de praia, irá disputar-se entre as selecções de Portugal, Espanha, Brasil e Argentina.

O “foot volley”, ou seja, o voleibol com os pés, porá em confronto as selecções de Portugal, Espanha, Brasil e Canadá.

Os torneios serão disputados no sistema de todos-contra-todos “à melhor de três” (sei lá como se diz isto em inglês!), mas no ténis a terceira partida será disputada no sistema de “tie-break”.

Percebeu toda a gente, ou estamos a precisar de explicações de inglês?

.

sexta-feira, 27 de julho de 2007

OUTROS MOMENTOS

este medo da entrega
.

Este medo da entrega…esta vontade,
Este receio incontrolável do desejo…
Cai em mim, como que um pecado,
E nego, o augúrio desse beijo!
Se amar fosse somente conjugar…
Escolheria forma calma de vivê-lo
Lendo um poema de manhã ao acordar,
Fazendo amor, como forma de dizê-lo!
M
Mytro, 051206
Foto: Marina An

.

"A IGREJA NÃO FAZ FÉRIAS”

pastoral à beira do areal
.
"Ao domingo de Pascoela pela manhã, determinou o Capitão de ir ouvir missa e pregação naquele ilhéu. Mandou a todos os capitães que se aprestassem nos batéis e fossem com ele. E assim foi feito. Mandou naquele ilhéu armar um esperavel, e dentro dele um altar mui bem corregido. E ali com todos nós outros fez dizer missa, a qual foi dita pelo padre frei Henrique"
in Carta do Achamento do Brasil, por Pêro Vaz de Caminha

“Quero que este seja um tempo em que os diocesanos de Aveiro sintam a presença de um bispo irmão, confidente, pastor solícito e solidário”, afirmou em homilia, o bispo D. António Francisco.

Como novidade, o bispo apresenta o seu “roteiro de itinerância pastoral”, em que se aproveita o tempo de férias para fazer chegar os ideais cristãos a mais pessoas.

Vai então ser possível, a quem relaxa na praia, encontrar-se cara a cara com o bispo que, entre o povo, será facilmente reconhecível pelo cabeção e o crucifixo que nunca tira do pescoço.

Ainda que não esteja prevista nenhuma incursão pelos areais, mas bem perto destes, o prelado tenciona “conversar com todos, mesmo com quem não partilha das mesmas convicções religiosas”.

De acordo com o calendário estipulado pelo prelado, para a visita às praias, irá a S. Jacinto, Vagueira, Torreira, Fermentelos, termas da Cúria e às praias da Barra e Costa Nova.


Se pega a moda, eu quero ver D. Manuel Quintas, o bispo de Faro, a pregar a certos biquinis, que fazem arregalar olho no ‘Calçadão’…

.

QUARTEIRA FARTA-SE DE GOZAR !

espectáculos para turistas com massas

Mais dois espectáculos estão anunciados, ainda para este mês em Quarteira, no âmbito do Programa Allgarve: amanhã, 29 de Julho, será Bryan Ferry que actuará; na segunda-feira, será Elvis Costello, com a Allen Toussaint Band, que estará entre nós.

Entre nós… quero dizer: entre “alguns de nós”; ou seja, entre os frequentadores de lugares destinados a elites.

Com efeito, Bryan Ferry irá actuar no Vila Sol Spa & Golf Resort; e Costello irá dar música aos privilegiados que estiverem no “The Lake Resort”, de Vilamoura.

Depois do espectáculo “para as massas” (para os que tiveram massas suficientes para pagar vinte eurinhos por pessoa) que Lila Downs deu no extremo nascente do Calçadão, aí temos nós o Allgarve a procurar atrair os “turistas de qualidade ou excelência”.

Sempre… uma questão de “massas” !


.

GOVERNO PRESENTE… EM FIM DE SEMANA

oposição não concorda
.
O primeiro-ministro inicia no próximo sábado uma visita de dois dias a alguns concelhos do Algarve, no âmbito da iniciativa "Governo Presente", durante a qual anunciará investimentos nas áreas do turismo, saúde e formação profissional.

José Sócrates estará acompanhado por vários membros do seu executivo: Manuel Pinho, ministro da Economia e Inovação; Nunes Correia, do Ambiente; Vieira da Silva, do Trabalho e da Solidariedade e Correia de Campos, da Saúde; e ainda Eduardo Cabrita, secretário de Estado da Administração Local.

O chefe do Governo assistirá, no sábado, à apresentação de importantes projectos como o do Parque de Desportos Motorizados de Portimão-Autódromo Nacional do Algarve e do Hotel-Apartamento Duna dos Salgados, em Albufeira.
Em Lagos, Sócrates assistirá à apresentação de investimentos em novos empreendimentos turísticos de luxo; depois, visitará a barragem de Odelouca; daí seguirá para Faro, para presidir a uma sessão se apresentação do Plano Tecnológico, e onde fará entrega de computadores e de certificados de conclusão de cursos das "Novas Oportunidades".

No Domingo, o primeiro-ministro anunciará, na Escola Superior de Educação de Faro, as medidas e normas a aplicar no novo Hospital Central do Algarve.

Mendes Bota, o deputado do PSD,como acha que tem sempre de pronunciar-se sobre tudo, critica a visita, chamando-lhe uma "mega manobra de propaganda política".

É o país que temos. É o Algarve que temos: se se faz, é porque faz, se não se faz…


.

O ALGARVE

uma terra de contrastes
.
"Nunca me revi na ideia de que o Algarve é uma porcaria como destino turístico, um mar imundo de banhistas e um rol de praias apinhadas de carneiros bronzeados. É certo que as fotografias e as imagens televisivas da beira-mar apinhada e das areias cobertas de corpos são reais. Mas o jornalismo capta os maiores denominadores comuns, sobretudo quando se trata de encontrar uma imagem para poupar mil palavras.

Nascido no Algarve, é natural que pense assim. Afinal, conheço os recantos, as falésias que escaparam à desordem exógena, os quilómetros de areais a perder de vista onde só gaivotas pisam, as vistas de postal dos anos 60 para os nostálgicos, raras como convém a tudo o que merece ser preservado.

Afinal, sou capaz de estar no coração do Algarve e ir à praia rigorosamente deserta e selvagem, sem um único tijolo. Ou deslocar convidados e familiares para uma praia mais, hum, civilizada — onde ainda assim se pode passear à beira mar, vendo gente, sem ter de pedir licença aos cachos de turistas para por um pé diante do outro. Ou comer o melhor arroz de lingueirão do mundo, ao pôr do sol, com vista para a Ria Formosa, a 12 euro por pessoa, sem atropelos, (des)esperas, filas & confusões. Ou visitar terras que escaparam ao, ou ressuscitaram do, caos urbano e hoje apresentam baixas decentes (Olhão), quando não mesmo bonitas (Tavira, Faro).
O Algarve é uma terra de contrastes. Tem um lado horroroso e tem um lado lindo. Afinal, não é muito diferente de tantos outros destinos, turísticos e não só. E, como nesses, é uma questão de educação, e de bom senso, e de conhecimento, saber frequentar o lado certo.

O lado horroroso serve para o jornalismo e o bloguismo tablóides descarregarem as suas fúrias — e a ausência de assunto por alturas do Verão. O lado lindo é referenciado contidamente nalgum jornalismo e bloguismo de referência — e ao longo de todo o ano, com encanto.

O Algarve é de massas mas não deixa de ser de elites. Tem Albufeira mas tem Quinta do Lago, tem Praia da Rocha mas tem Vale do Lobo. Tem o Barlavento, que é o Algarve que os media mostram, mas tem o Sotavento, onde as massas não chegaram. Tem as vistas do barrocal e das serras — que só as almas interessadas visitam, deixando as lagartas espojadas ao sol nas dunas. Tem um perfume árabe que parece incomodar os hunos — mas que lhe dá uma beleza única, até no contexto mediterrânico.

É compreensível, ainda assim, que quem conheceu Portimão e Albufeira antes da destruição às mãos dos interesses de um punhado de aventureiros que minaram convenientemente o poder local, se sinta amarguradamente afastado. Em nome do “turismo” fizeram-se fortunas à custa da degradação do bem comum. Mas a maioria das pessoas que vocifera impropérios “contra” o Algarve, ou destilam preconceitos de “classe” contra os pé rapados e a alta burguesia que almoça no Gigi, não o viu antes e não o conhece hoje. Uma e outra maiorias são, afinal, igualmente desprezíveis."
.
in blogue “Mas certamente que sim”, 26/Jul, por: Paulo Querido

.
"onde o jornalismo e o bloguismo tablóides descarregarem as suas fúrias e a ausência de assunto "
.

ATEROSCLEROSE EM VILAMOURA

convergir para prevenir

Entre 25 e 27 de Outubro, vai realizar- -se no Tivoli Marinotel, em Vilamoura, o congresso da Sociedade Portuguesa de Aterosclerose, subordinado ao tema “Convergir para prevenir”.
.
Dos temas que vão estar em debate, destaca-se a apresentação das novas recomendações para prevenção daquela doença cardiovascular, que vêm actualizar as anteriormente apresentadas, numa adaptação das novas correntes da European Society of Cardiology/European Association for the Study of Diabetes.
.

LIVROS E ARTESANATO NO ‘CALÇADÃO’

repetindo o esquema dos últimos anos
.
A Feira do Livro e do Artesanato de Quarteira vai decorrer entre 8 e 19 de Agosto.
.
Diariamente, durante esses 12 dias, vão estar abertos, a partir das 19h00 e até às 24h00, os 33 pavilhões livreiros e os mais de 40 de artesanato (ou similar) e uma dúzia que, em princípio, estarão dedicados a produtos agro-alimentares.

Anunciam-se ainda dois pavilhões onde diversas actividades (acesso ao catálogo informatizado, leitura de periódicos, actividades de promoção do livro, etc.) estarão ao dispor dos visitantes. Também o público infantil não será esquecido, pois lhe serão dedicadas actividades próprias.

Repetindo o esquema dos últimos anos, a feira constituirá, deste modo, uma amálgama de interesses onde o principal objectivo, a promoção do livro, pode ser comprometida pela dispersão da atenção dos visitantes, numa promiscuidade com artigos de artesanato duvidoso.

Misturar os dois certames foi, no devido tempo, uma forma de escamotear a pobreza que, então, se estava a apoderar da feira do livro.

Pessoalmente, preferiríamos ver as duas feiras separadas, ocupando, inclusivamente, um maior período de tempo, na marginal tão desprovida de actividade…

.

quinta-feira, 26 de julho de 2007

NOVO ARQUIVO HISTÓRICO

mais uma joia para a cidade de loulé


Cavaco Silva vem a Loulé inaugurar o novo Arquivo Municipal, um dos principais e mais recentes equipamentos da cidade, uma herança que vem do tempo de Vítor Aleixo mas só agora ficou pronto.

O novo arquivo ocupa um edifício “aristocrático” do séc. XIX que foi integralmente recuperado, numa obra que orçou mais de 1.150 000 euros.

Até agora, o Arquivo Histórico funcionava na Alcaidaria do Castelo que, a partir de agora, passa a ter funções ligadas às actividades culturais.

A inauguração será em 4 de Agosto e o Presidente da República aproveitará para visitar a exposição de pintura do seu irmão, António Cavaco Silva, que estará patente ao público na Galeria do Convento Espírito Santo.

Não se questiona a utilidade do novo equipamento de Loulé. O que eticamente parece incorrecto é que, sobretudo as duas freguesias que enriquecem o município – Almancil e Quarteira – continuem a não possuir qualquer equipamento cultural.

Pois, não nos queixemos: fomos nós que elegemos os responsáveis!

.

O FUTURO DA COMUNICAÇÃO

animação de gráficos para compreender a tragédia

Sei que o post que se segue está deslocado no ‘Calçadão de Quarteira’.
No entanto, não posso deixar passar a oportunidade de apresentar um trabalho extraordinário do diário espanhol ‘ElPaís’, que merece ser visto e apreciado.

Trata-se da reconstituição do acidente do aeroporto de São Paulo, um trabalho complexo, uma recolha e selecção dos momentos chave para a compreensão do sucedido.

Para a sua execução, foram usados fotogramas em Flash, mapas do Google conjugados com a animação dos gráficos, um misto de simplicidade e complexidade que só se consegue com muita experiência e arte.

Um dia, toda a informação será assim?

.

HÁ PATOS E PÁTHOS

alguns levantam voo de vilamoura
.
Quando a História da Literatura era um sério objecto de estudo dos alunos do ensino secundário, deu-me um certo gozo um texto do Cavaleiro de Oliveira que, de vez em quando, me vem à memória.

Cavaleiro de Oliveira era orgulhoso dos seus pergaminhos intelectuais e da sua origem nobre. Escreveu ele, numa das suas “Cartas”:

«Fui fazer dez anos à classe e, em menos de dois, assim, pela propensão natural, como pela doçura e particularidade com que me tratava o meu Mestre, saltava por cima dos meus condiscípulos com tanta facilidade e ligeireza como se salta pelas fogueiras de S. João. Aos dez anos de idade sabia, melhor que agora sei, Virgílio, Horácio, Ovídio…”

Há gente assim, vogando por aí, com os seus complexos de superioridade, os seus apregoados atributos morais e os seus pergaminhos, que até convencem o mais desprevenido. Alardeiam conhecimentos e princípios éticos, são até capazes de criticar tudo e todos porque os não têm, e por “propensão natural” exibem as suas capacidades de “saltar por cima” dos outros, dando lições de ética e de moral, qual Virgílio, qual Horácio, qual Ovídio…

Também em Vilamoura temos um vizinho a quem agrada muito esse “jogo”, no qual costuma entrar com artigos escritos com pena de “pato”, de que muito se ufana, camuflado por detrás do fumo mal cheiroso de um charuto ordinário.

Mas a ética e a moral não se compram no supermercado. E, um dia, a casa vem abaixo!

.

VIOLÊNCIA DOMÉSTICA

suspeito de abusar de ovelha

“A Polícia holandesa informou, nesta quarta-feira, que deteve um homem suspeito de ter abusado de uma ovelha na localidade de Haaksbergen e investiga se o animal sofreu
- escreve a agência EFE.



A Polícia tenta agora determinar se a
ovelha sentiu dores durante o acto […] A detenção, que ocorreu na sexta-feira, aconteceu depois do proprietário da ovelha ter apresentado queixa à Polícia. “
in “Portugal Diário”, 25/Jul
.
Quem julga que estas coisas só acontecem nas anedotas?

.

NINGUÉM TEM OLHOS NA CARA?

freguesia "da cidade" ?!
.
Decididamente, alguém anda determinado em confundir os Quarteirenses. Sendo os autarcas, a coisa torna-se grave. A menos que seja consequência de estupidez sem limites.
.
O site que deveria ser da Junta de Freguesia de Quarteira ostenta no seu “cabeçalho” a seguinte legenda: “Junta de Freguesia Cidade de Quarteira”.

Freguesia da Cidade? Não nos lembramos de que tenha sido aprovada uma nova divisão administrativa, mas será que isso quer dizer que as localidades de Semino, Quatro Estradas, Trafal, Pereiras de Quarteira e Vilamoura são “outras” freguesias do concelho de Loulé? Como não integram a "cidade"...

Ou são os responsáveis pela própria autarquia que estão a rejeitar que esses lugares sejam partes integrantes da Freguesia de Quarteira?

O site está activo há tempo suficiente para que os responsáveis tenham verificado o erro e mandado corrigir. Se o não fizeram… eles lá terão as suas razões.

Se calhar é por isso que o tal cartaz reivindicativo da criação do concelho continua na sede da Assembleia de Freguesia, sem que nem o presidente da Junta, nem o presidente da Assembleia de Freguesia o mandem retirar…

Em latim diz-se “abyssus abyssum invocat” em linguagem de gente podemos traduzir por “asneira atrai asneira”?
.

SINAIS DE ALARME OU PRUDÊNCIA

excesso de oferta hoteleira?
.
Perante o anúncio recente da construção de 57 novos hotéis, num valor superior a 5,7 mil milhões de euros, alguns analistas já falam em demasiada oferta para o mercado nacional.
.

Benidorm, paradigma dos erros praticados em Espanha

“Os preços médios da hotelaria em alguns segmentos e destinos não estão a aumentar. Este é, segundo os analistas da consultora internacional Cushman & Wakefield, o principal sinal de que a oferta hoteleira em Portugal pode estar a exceder a procura – ao que acresce o anúncio da construção de mais quase seis dezenas de novas unidades. […]

O que importa agora saber, segundo a mesma consultora [que alerta para o perigo de se poderem vir a repetir em Portugal os erros cometidos no sul de Espanha], é se o excesso de oferta está para ficar. Importante é que haja um ajustamento entre a oferta actual e futura às necessidades actuais e potenciais. Entretanto, recomenda-se prudência nos investimentos a realizar. A não ser que a oferta hoteleira adicional venha acrescentar valor ao mercado. […]

Os pontos mais críticos são aqueles para onde se encaminham a maior parte dos novos projectos hoteleiros, com Lisboa, Algarve e Madeira à frente […].”
in “Expresso online”, 25/Jul, por Vítor Andrade

Nunca se sabe que motivos podem estar por detrás de certos "estudos"...
.

BOA MEMÓRIA

guarda da cadeia de sintra reconheceu um fugitivo
.
Um cabo-verdeano de 32 anos, evadido em Fevereiro de 2005 do Estabelecimento Prisional de Sintra, onde cumpria uma pena de cinco anos por tráfico de estupefacientes, foi recap- turado ontem, em Vilamoura.

O homem foi detido depois de ter sido reconhecido na rua, por um guarda prisional de Sintra, que alertou a equipa ‘Tourist Suport Patrol’, do posto de Vilamoura.

Juntamente com o recluso, foi detida uma mulher portuguesa, de 23 anos, residente na Amadora, que transportava 160 doses de cocaína, e cerca de dois mil euros em dinheiro.

Ai quem nos dera que todos os guardas tivessem uma memória assim…
.

quarta-feira, 25 de julho de 2007

QUARTEIRA PARA TURISMO DE MASSAS

os responsáveis da região de turismo também
desconhecem que vilamoura é… quarteira !
.

"O novo turista que chega ao Algarve é muito diferente do da década de 1990: marca as férias na Internet, viaja em voos "low cost", permanece menos tempo e mais vezes ao ano, mas estratégias ainda assentam em perfil desactualizado.

"A palavra de ordem é nivelar por cima, para as classes A e B+", [afirmou Nuno Aires, vice-presidente da Região de Turismo do Algarve, reforçando o que, recentemente, disse Manuel Pinho, ministro da Economia].

"O turismo que nos interessa não é definitivamente o turismo de massas", disse então o responsável pela Economia, enquanto anunciava a duplicação de hotéis de cinco estrelas, de 10 para 21, entre 2005 e 2010. Agora está-se a meio caminho, com 14 unidades.
Claro que, ressalvou Nuno Aires,
o turismo de massas não deixará de ter o seu lugar na região: Armação de Pêra, Quarteira,
Sagres e os milhares de camas não classificadas da região não deixarão de ter o seu lugar”.

"Só 50 por cento dos alojamentos são feitos em quartos classificados e o número de segundas residências tem vindo a subir, devido às 'low cost', mas também à inauguração da A2 e ao prolongamento da Via do Infante", aponta Elidérico Viegas, [presidente da Associação dos Hotéis e Empreendimentos Turísticos do Algarve (AHETA)], salientando que o mercado algarvio continua a ser "de famílias". […]

Estas alterações trouxeram “mais portugueses, por menos tempo e mais vezes ao ano, sobretudo em fins-de-semana prolongados e 'pontes'", assinala. […]
"
in “Observatório do Algarve”, 25/Jul

.

LILA DOWNS NO CALÇADÃO

sem nunca esquecer as raízes
.
“Com um alinhamento que intercalou a melancolia com o humor e explosões de alegria, Lila Downs provou porque tem centrado as atenções de um público cada vez mais vasto: pela voz, que vai dos graves profundos ao mais alto dos falsetes, pela presença em palco, e pela simplicidade, sem nunca esquecer as raízes.

‘Eu sempre fui humilde, e nunca pensei em grandes voos. Foi muito difícil decidir ser cantora, porque para mim cantar era muito fácil – cantava nos bares, nas cantinas, e restaurantes – mas não entendia a alma da música, tive de aprender a respeitar o canto. O meu sonho era passar na rádio local…’»
in «Observatório do Algarve», 25/Jul, por Mário Lino

Pode ser uma “humildade” estudada… mas que lição para os nossos “artistas” que, mal pisam um palco, se esquecem do pó de que são feitos!...

.

"PLENAMENTE DE ACORDO, CARAGO !"

uma questão de estratégia
.

"Deputado do PSD acusa Governo de falta de estratégia para a China.

Se eu mandasse, enviava já a GNR pra invadir aquela merda."

in blogue “Blogue dos Marretas”, 24/jul, por: Animal

Ainda é capaz de dizer que a nossa gente não tem “espírito”?
.

NÓS POR CÁ, TODOS BEM...

financiamento partidário em troca de benesses
.
«Em 1 de Março de 2005, a PJ interceptou uma conversa, entre Abel Pinheiro, então director financeiro do CDS/PP, com um quadro do Grupo Espírito Santo (GES), Vítor Neves, onde o ex-dirigente partidário foi citado como tendo dito: "E fazendo as contas nós metemos na mão da sua gente mais de quatrocentos milhões de euros nas últimas três semanas."

[…] Ontem soube-se que o Ministério Público concluíra a acusação do
caso Portucale. Os pormenores […] apontam para acusações de tráfico de influências. Há onze arguidos, sendo que um deles é Abel Pinheiro, ex-director financeiro do CDS/PP no tempo em que Paulo Portas liderava o partido […]»
in "Diário de Notícias", 25/Jul, por: João P. Henriques
.
Quem disse que os eleitores não têm razão em não confiar na classe política?

.

terça-feira, 24 de julho de 2007

CADA LIDER ALGARVIO PUXA PARA SEU LADO

a saga psd e o admirável suspense
.
«O vice-presidente do PSD Macário Correia considerou hoje que a candidatura de Menezes às eleições directas do partido não ameaça a liderança de Marques Mendes e apelou a que ambos os candidatos trabalhem pela coesão do partido.”
in “Observatório do Algarve”, 24/Jul

«O vice-presidente do PSD, Macário Correia garante que a liderança de Marques Mendes não foi posta em causa com a derrota do partido em Lisboa e que o assunto será tratado internamente "com a maior tranquilidade".
Macário Correia - membro da Comissão Nacional e eleito para uma das vice-presidências do partido há pouco mais de um mês - enalteceu a disponibilidade da direcção "para ser avaliada por militantes a nível interno".
"Foi desencadeado um processo de relegitimação da direcção, para que seja dada a palavra aos militantes, para clarificar a estratégia até 2009, é isso que está em causa […]” – disse.
Já o líder do PSD/Algarve, Mendes Bota, afirmou que o mau resultado nas eleições de Lisboa, cujo vencedor foi o candidato socialista António Costa, tem como culpado Marques Mendes.
"Marques Mendes apontou o dedo a si próprio, para indicar o responsável pelo mau resultado do PSD, numa atitude que se saúda [...]".»
in “Observatório do Algarve”, 17/Jul
.
Como Loulé tem o coração dividido, será que os PSD/Quarteira vão continuar “botistas”?
.

PSD SEM TABUS

meneses quer arriscar
.
“Acabaram-se as hesitações: Luís Filipe Menezes anunciou ontem que vai defrontar Marques Mendes na eleição directa para escolher o próximo líder do PSD, a 28 de Setembro. E avança com um objectivo declarado: derrotar José Sócrates nas legislativas de 2009.”
In “Diário de Notícias”, 24/Jul , por Pedro Correia

Depois das últimas análises dos observadores políticos, que impiedosamente fustigaram Meneses, chegando a asseverar que, só por anedota, para "afundar definitivamente o Partido”, ei-lo que aí está. Pronto para a luta.

E agora, Algarve? Com Meneses, depois do que, por cá, foi dito de Mendes? Só pode…
.

ONTEM HOUVE TEATRO

têm vergonha de mostrar como maltratam
a companhia de teatro amador de Quarteira?
António Alvarinho e uma plateia satisfeita

Nem teríamos dado por ele se não fosse uma pequena faixa no terminal da camionagem. Nem aqui em Vilamoura, nem em toda a área da freguesia de Quarteira, nem no site da Câmara Municipal, nem no da Junta de Freguesia… nada! Nem um avisozinho envergonhado, que nos dissesse que ontem, dia 23, na Praça do Mar, haveria um espectáculo do Teatro Amador de Quarteira.

Como se alguém o quisesse esconder, como se alguém não quisesse que houvesse espectadores.

Talvez tivessem vergonha de mostrar a forma como tratam a companhia da terra, enfiada naquele tabladozinho minúsculo, num contraste vibrante com o palco gigantesco que, ao mesmo tempo, se erguia imponente, no final do ‘Calçadão’, para um espectáculo musical de Lila Downs, que hoje mesmo se vai realizar.
Lila Downs e o imponente palco onde irá actuar

Sabemos que o principesco cachet de Lila Downs será pago pelo programa ‘Allgarve Edition’, pelo que às autarquias poucas responsabilidades se pode pedir por essa desigualdade de procedimentos.

Façam o que fizerem, paguem o que pagarem, encontrem as justificações que entenderem para estas diferenças de tratamento. O que lhes poderemos dizer é que essa tal cantora mexicana nunca fez nem fará nada em prol do Algarve, do município, ou da freguesia de Quarteira. Ao contrário do que acontece com a Companhia de Teatro Amador de Quarteira e, muito particularmente, com a incomensurável dedicação de António Alvarinho.

Mas a praça estava cheia e as gargalhadas e os aplausos do público valem bem mais que aquilo que as entidades oficiais julgam.
.

segunda-feira, 23 de julho de 2007

PASSADA A “META VOLANTE”

mais de cem visitas diárias
.
Faz hoje 39 dias que o nosso blogue foi criado. Hoje mesmo, ultrapassámos as 3.900 visitas.

Mais de cem visitas diárias, é uma marca que não esperávamos atingir tão cedo e, por isso, estamos imensamente satisfeitos. É uma cifra que, certamente, muitos jornais regionais gostariam de poder atingir.

Numa análise à proveniência dos ip, verificamos que temos muitas dezenas de leitores assíduos, alguns dos quais, dos continentes americanos e australiano.

Como resultado deste inesperado interesse ou curiosidade, aliado às várias centenas de e-mails igualmente recebidos, de quarteirenses e louletanos de todo o mundo (e a quem temos sempre dado resposta), a manutenção do "Calçadão de Quarteira" tem-nos ocupado bastantes horas diárias e, por isso, vamos ser forçados a, dentro em breve, admitir a colaboração de novo(s) blogger(s) para que nos seja possível manter a qualidade que tentamos imprimir ao nosso trabalho.

Oxalá possamos continuar a agradar e a cumprir a rota que nos propusemos: SERVIR QUARTEIRA.
.

FELICIDADE POST MORTEN

vá morrer ao alandroal

.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.

Como pode verificar, lá, têm um serviço permanente para tratar de toda a documentação para a Segurança Social e tratam também … da lavagem do carro.
.
Sorria, meu amigo!
.

ENTRADA DE IMIGRANTES BLOQUEADA

nova corrida a partir de 3 de agosto
. "A maioria dos serviços responsáveis pela legalização de imigrantes não está a aceitar qualquer candidatura de regularização.

Com a perspectiva de entrada em vigor de um novo diploma — e numa altura em que se registam elevadas taxas de desemprego —, o SEF fechou a porta aos estrangeiros trabalhadores que se encontram ilegais em Portugal.

Milhares de imigrantes encontram-se assim aguardando pela alteração da legislação para regularizarem a sua situação, prevendo-se uma afluência maciça aos serviços no momento em que o diploma entrar em vigor, a 3 de Agosto."
In “Público”, por Ricardo Dias Felner, 23/Jul/07

Enquanto isso, o SEF não vê invasão de brasileiras?
.

MOMENTOS

Padrão de desejo
.
Percorrem meus dedos,
de belas cores vestidos,
a tua pele nua
coberta por padrões de puro desejo
- desejo de viver
sem preconceitos e sem medos.
.
Desenho em ti,
assim, nuínha,
arabescos de paixão
em rúbias labaredas
que inflamam meus sentidos,
mesmo sem saber
se em troca tenho um beijo,
um simples anseio,
ou mesmo um pensamento…
Desenho a tua pele,
em doce liberdade
e gestos amplos e suaves
que a ilusão sublinha.
Depois, em cores distintas,
desenho uma flor
no botão do teu seio
e penso que é verdade:
Que és minha!
.
Foto: Gregor Schul.z
.

ESCABECHE… DE SARDINHA

com estas cabeças… tudo é possível
.
Por enquanto, recusamo-nos a acreditar. Mas, ao que parece, a Junta de Freguesia de Quarteira (ou a Câmara Municipal) decidiram que, neste ano, o “Festival da sardinha”, se irá realizar… no largo 1º de Maio e ruas adjacentes.

Corre um mal-estar generalizado na cidade. Ao que nos dizem (ainda não pudemos lá ir comprovar) o proprietário dos terrenos onde habitualmente se realiza a já tradicional Festa da Sardinha, no Forte Novo, decidiu vedar o terreno. Se assim for, estará, certamente, no seu pleno direito.

Só que isto veio criar um problema de todo o tamanho à organização do festival: para onde transferir aquela festa que, segundo o Guiness, usa a maior grelha para assar sardinhas do mundo?
Dizem-nos que as criaturas se não atrapalharam e, sem mais, decidiram que a grelha será instalada no largo Primeiro de Maio, estendendo-se depois pelas ruas adjacentes: da Gaivota, das Laranjeiras, das Condutas…

Os quarteirenses perguntam: que terá passado pela cabeça iluminada que sugeriu esta alternativa? Não há outros locais onde caibam os vários milhares de apreciadores e mirones? Não há terrenos livres à volta da cidade? Não há, inclusivamente, amplas avenidas em Quarteira?

Vamos ver em que irão parar as modas, depois da reunião que os moradores da zona, descontentes, solicitaram com o presidente da junta.
.

Actualização em 23/Jul - 21h00

Pudemos comprovar que o terreno onde tem sido feito o "Festival da Sardinha", no Forte Novo, está parcialmente vedado e foi parcialmente lavrado.

O que não impede a presença e fruição por parte de uma boa dezenas de campistas selvagens...

.

VOCÊ VIU A PIRULITA?

o miúdo vai considerar-me um aldrabão
.
“Com a chegada do mês de Julho, temos o sol, o calor, as praias e todos os demais privilégios que o Verão, na sua plenitude, nos oferece. Tempo de vivermos ao espaços ao ar livre […] eis que tudo se torna ainda mais convidativo ao lazer, ao reencontro e ao convívio, com inúmeras iniciativas culturais, desportivas e recreativas a merecerem o devido destaque”
.
mensagem de Seruca Emídio in “Agenda municipal Loulé, Julho 07”

Depois de o Presidente da Câmara ter afirmado, na reunião de Câmara realizada em Quarteira, que as iniciativas marcadas para o Calçadão eram tantas que já se lhe deparava dificuldade em encontrar calendário para todas as solicitações, surpreende-me como esta belíssima avenida marginal não fervilhe de vida e alegria.

Vejamos o que menciona o sítio da net da Junta de Freguesia relativamente às actividades marcadas até ao fim do mês:

21 Jul - Acordeonistas (Rua Vasco da Gama)
22 Jul - Palhaça Pirulita (Calçadão)
23 Jul - Animação Infantil (Rua Vasco da Gama)
25 Jul - Pechão + Julinho (Rua Vasco da Gama)
26 Jul - Desfile de Mulatas (Rua Vasco da Gama)
27 Jul - Baile com Banda Fora d'Horas (Rua Vasco da Gama)
29 Jul - Ginástica Acrobática do Louletano (Rua Vasco da Gama)
30 Jul - Acordeonistas (Rua Vasco da Gama)
31 Jul - Acordeonistas (Rua Vasco da Gama)


Ora bem, ontem, dia 21, não vimos qualquer acordeonista na Rua Vasco da Gama. Admitimos que houve um desencontro. É possível. O que vimos foi o já “tradicional” bailarico que a Teresa do Café 123 ali promove todos os anos, posteriormente aos Santos Populares.

Lá estava ontem o Quim Gonçalves, a “dar o litro” para tentar transmitir um pouco de alegria e animação. Sem que a Câmara de Loulé ou a Junta de Quarteira para aí tenham posto nem prego, nem estopa.

Hoje, como se viu, estava anunciada a “Palhaça Pirulita” para o Calçadão.

Cheio de maus pressentimentos, percorri toda a marginal, para cima e para baixo. De palhaça… nem rastos.

Perto do Hotel D. José, num dos sítios mais estreitos do calçadão e, consequentemente, menos adequados, empenhava-se um grupo de garotos, numa exibição de ginástica. Não se podia passar, a menos que fôssemos por ali aos empurrões. Dei a volta e fui por detrás… Para esta animação, ao que parece, a Câmara terá contribuído com o «transporte dos tapetes… e dificultando a circulação das pessoas, deixando estacionados, no local, uma carrinha de caixa aberta e outra fechada, de sua propriedade.

Não vi a Pirulita e o meu sobrinho achou que fui eu que o enganei. Alguém a viu?
Digam que sim, senão o miúdo vai considerar-me um aldrabão…
.