já fizeram uma visitinha

Amazing Counters
- desde o dia 14 de Junho de 2007

sábado, 25 de abril de 2009

Quarteira a passar ao lado

abril ainda não chegou? ou quarteira já saiu?
Esperámos até à última hora… Quase de hora a hora, consultámos a agenda da Junta de Freguesia de Quarteira à procura do programa das comemorações da Revolução de Abril…

Nada!

A Junta de Freguesia, olimpicamente, ignorou.
Pura e simplesmente, ignorou.

Se as comemorações da Câmara de Loulé são pobrezinhas, chegando ao ponto de ter de considerar como “sua” participação nas festivida-des de Abril o concerto da semana académica dos moços do INUAF, em Quarteira… Nicles! Nada! Zero!

Como se Abril nunca tivesse existido.

Ou, pior ainda, como se os sentimentos de toda uma geração não merecessem consideração.

José Mendes ainda não percebeu que, se não tivesse sido a Revolução dos Cravos, ele nunca teria sido presidente de Junta!

11 comentários:

Anónimo disse...

Já tinhamos tempo de ter aprendido a viver em democracia.
O 25 de Abril já foi á bastante tempo 35 anos e hoje temos o que merecemos. No que respeita a Quarteira é frustrante e triste ver como se manilula o povo e como o povo se deixa levar.
Este regime está a caminho do fim o que é uma pena para quem ama e quer viver em liberdade. Fomos nós os culpados é verdade porque não fomos capazes de criar regras e abandalhamo-nos em todas as árias.
Hoje respira-se medo por todo o lado é nas aldeias vilas e cidades o medo está nas ruas nas lojas nas repartições na estrada até já vamos tendo medo de estar em casa. Muito mal vai a democracia quando os próprios capitãis de Abril já estão pessimistas e descordantes. Vamos a caminho do fim.

Anónimo disse...

É inadmissivel o que o José Mendes fez, este ano só houve uma misera corrida de uma duzia de jovens do quarteirense.
Nem judo nem nada.
Ano de eleições e não faz nada, parece que já está tudo ganho.
Muitas pessoas dirigiram-se à avenida na intenção de assistir a algumas actividades e o que se vê é nada.
Enfim votem nele, se é isto que gostam.

bicho domato disse...

Nada. Nada. Nada. Nada de nada, nem um cravo. É muito triste esta terra. Há festas a torto e a direito para o túrista ver(coisas sem qualquer interesse histórico). Mas quando toca aos interesses das gentes locais , sim porque o 25 de Abril, é uma data a acarinhar, a não ser que
os que mandam" nesta terra sejam uns fascistas.

Anónimo disse...

Liberdade , Liberdade em Quarteira vergonha das vergonhas. Oiçam o que o Emídio Rangel disse da TVI:O Jornal Nacional de Sexta-feira) é um espaço onde, por regra, se desrespeitam os códigos profissionais do jornalismo: há um desprezo sistemático pelo exercício do contraditório, há ‘notícias plantadas’ que são infâmias embrulhadas como factos provados. Aquele espaço, em muitas circunstâncias, faz mais lembrar ‘O Cabaret da Coxa’, tantos são os atropelos jornalísticos que nele se praticam, ao tentar impor um modelo sensacionalista, tendencioso e de mau gosto. Fernando

José disse...

O cravo já murchou
ficaram apenas as palavras
e de Abril o que restou
foram apenas os cravas!


se ver que não deve

Anónimo disse...

Amigo, penso que isto do "Nada!" é demagogia! Demagogia porque passei na junta e vi na montra, vários papeis a fazer alusão aos eventos que iam ter lugar no 25 de Abril do ano de 2009! O calçadão da quarteira, que se diz um espaço onde as noticias e os assuntos são tratados de forma imparcial, parece que já está a escolher um lado da barricada e a entrar em guerrilhas de campanha. Diga-me, por favor, que estou errado e se não acreditar, aproveite e passe na montra da junta, antes que seja demasiado tarde e retirem os papeis. Bem haja.

Anónimo disse...

Não vamos deixar que isto aconteça mais ano nenhum, porque o povo vai correr com eles.

Anónimo disse...

Ah! Ah! Ah! Ah!
Está aqui um a dizer que puseram papéis na Junta a dizer que faziam coisas no 25 de Abril.
Ah! Ah! Ah!
Içaram a bandeira e este ano acho que nem fiseram a solta dos pombos.
Ah! Ah! Ah!
Fazer papéis é comemorar a Liberdade?
Nao brinquem com a gente!
Dá-lhes Calçadão a ver se criam vergonha na cara.

Lourenço Anes disse...

Com data de 23 de de Abril (MAS É MENTIRA! - porque foi depois de ter saído o nosso post já nos primeiros minutos do próprio dia 25)o sítio da JF de Quarteira "afixou" um cartaz (!) a anunciar eventos para assinalar a Revolução dos Cravos.

( http://www.jf-quarteira.pt/PT/default.asp?flag=3&id_nt=164 )

Quer dizer: a Junta de Freguesia de Quarteira acrescentou a uma imperdoável atitude de negligente "esquecimento (?) uma inqualificável atitude de DESONESTIDADE.

Imperdoável!

É assim que os "nossos" autarcas querem merecer a nossa confiança?

Álvaro V. disse...

Essa foi boa, Calçadão.

Depois de ter lido no Calçadão que a Junta não tinha anunciado nada, eu fui espreitar o site da Junta e não estava lá nada!

Que grandes hípócritas aqueles tipos da Junta de Quarteira.

Meter depois de terem sido apanhados em falta e depois de terem passado as efeméridas, é uma falta de honestidade incrível

Anónimo disse...

Eu estive lá.
Vi o içar da bandeira, cantei o hino, recebi dois cravos, assisti à largada dos pombos, vi a partida e a chegada da corrida do CDQ, assisti à banda passar e ainda soube de um certo foguete esquecido por uns meninos pseudo revolucionários que jantaram no Lendário na noite anterior que não foram autorizados a lançá-los mas lançaram na mesma, segundo a Polícia Marítima. Penso que o Calçadão já escolheu o seu lado há muito tempo. Se acordaram tarde já não apanharam muita da animação.