já fizeram uma visitinha

Amazing Counters
- desde o dia 14 de Junho de 2007

sexta-feira, 16 de janeiro de 2009

Não encaixa!

manuela aplica ko técnico a mendes bota
Imagem : montagem de Galiós
Manuela Ferreira Leite, ontem à noite, na «Grande entrevista», na RTP, não esteve com meias medidas: a comissão coordenadora autárquica do partido “não pode aceitar” a candidatura do ex-inspector Gonçalo Amaral à câmara de Olhão.
,
A líder sabe que vai contra a vontade da distrital, mas avisou que a comissão coordenadora do PSD não pode aceitar tal candidatura, pois o perfil do ex-polícia “não se encaixa” nas regras definidas pelo partido.

Manuela explicou que, se essa ideia fosse por diante, passaria a noção de haver promiscuidade entre política e justiça.
.
A líder social-democrata parece querer demonstrar que ainda há um pingo de ética que é preciso respeitar.
Mendes Bota, apologista de tão aberrante candidatura… não!

27 comentários:

Anónimo disse...

A entrevista da rtp... duas titias à conversa...entre amigas e sem pressão...grande frete...jornalismo rasca...

Anti-tgv disse...

MFL melhorou nesta entrevista e tomou posições que o país aguarda, sejam rapidamente transformadas em medidas. A rejeição categórica do TGV deveria ser suficiente para fazer com que qualquer partido ganhasse as eleições. Apresentou-se elegantemente discreta, deixou transparecer confiança e inteligência no modo como respondeu ás questões da jornalista e de como expôs as suas ideias. Como mulher na terceira idade surgiu agradavelmente atraente e serena.

Anónimo disse...

MFL,esteve nesta entrevista,igual a si mesmo.Sem ideias,com ar de forreta,retrógada por natureza,dizer o que faria se estivesse no Governo,o que em abono da verdade, já todos nós sabemos.(agravaria o déficit publico,não para 6.8% mas aí para uns 10%,etc,etc,),e não fazia nada,nada de nada.Esta avósinha,não consegue livrar-se do discurso da tanga.Fugiu em falar da Zaragata permanente em que vive o PSD.Esteve fraquinha ,fraquinha,fraquinha.Foi penoso.(O PSD é cruel em manter MFL.,á frente do partido.)

Francisco Soares

Manuel Correia disse...

A Menela cada vez que abre a boca só sai asneira... Se pararem as obras publicas todas será um tiro no pé pois aí nem os empregos que elas vão criar se aproveitam. À falta de melhor lá vamos ter o sócrates mais 4 anos..

Espectro disse...

A pele estava tão esticada / que de cada vez que ele sorria, / a Judite ficava assustada / pensando que a velha morria!

Madeira disse...

60% do custo do TGV Lisboa Madrid provém de fundos europeus ( redes trans-europeias). Se Portugal não honrasse os compromissos internacionais na matéria ficaria isolado com o TGV a terminar em Badajoz! Quando se pretender ser PM de um país Europeu tem de se estar à altura, esta senhora seria óptima PM de uma ilha por exemplo a Madeira!
O candidato a Olhão? Ora... isso interessa? O Leal tem aquilo mais que seguro!

Fonseca-Pinto disse...

A Líder do PSD pretende alcançar protagonismo com desafios para debates para ver se os Portugueses dão conta de que ela existe! Depois de um longo período de silêncio que podia ter aproveitado para se afirmar, vem agora pedir atenção, quando sabe que o seu lugar já está por pouco. Sócrates não está interessado em conversas..... Acho que ele tem de dedicar o seu tempo a outros assuntos em detrimento de proporcionar protagonismo àqueles quem em tempos foram actores de uma política sonolenta e só agora estão agora a acordar!

Zé, Viana do Alentejo disse...

Desculpem-me, mas pude deixar de rir ao ouvir : "Sendo Governo riscarei imediatamente o TGV". Só pergunto se depois pagamos NÓS? Ou também vai legalizar os graffitis?

AVA disse...

A Sra. Dra. MFL acaba de dar uma entrevista muito pobre à RTP. Revelou bem a sua incapacidade política, falta de rigor nas afirmações e insegurança. Em suma, a senhora fala assim porque sabe que nunca virá a ser primeira-ministra.
A única coisa que disse de jeito foi que não concordava com esse candidato para Olhão,

R. Janeiro disse...

Queriam saber se o PSD estava apto a governar... depois do seu irmão PS se retirar para uns merecidos refrescos. NNNNNÃÃÂOOOO! E ainda bem. O que nós precisamos é de uma alternativa. De mentirosos já chega. Minha senhora, minha senhora; a visão de futuro perde-se com a ignorância das coisas e com o avançar da idade. O grito de «Queremos comboios a carvão» ou «A alternativa aos aviões é o dirigivel» já deu o que tinha a dar. Agora é tudo mais rápido e até se podem deitar abaixo dois partidos com um só voto. É o chamado RBC (rua com o bloco central).

Anónimo disse...

Mas o amigo Bota só tem ideias destas de baixo do capachinho!?

Anónimo disse...

Um dos grandes culpados da politica do governo é a sua própria oposição, sobretudo o seu maior partido: o PSD. Este partido em vez de fazer oposição tropeça em si mesmo com lideranças fracas e incoerentes. A actual liderança, liderada pela MFL, é mais uma delas. Representa o passado de grandes dificuldades que não apresenta soluções para os problemas ou estratégias para os desafios que Portugal tem pela frente. É uma liderança que é não apoiada pelo seu próprio partido, que está completamente partido aos pedaços. Isto não é só mau para o PSD como para Portugal pois o seu papel de fiscalização fica enfraquecido. Quando irão surgir as ideias ? Ideias BOAS precisam-se... e muito bom senso.

Perguntador disse...

Fez bem em ter falado no Gonçalo Amaral e na sua candidatura à CM Olhão Mas gostava de perguntar porque é que a moça não falou do Ali Baba e dos 40 ladrões que estão enfeudados na sua sede da Lapa e um é Conselheiro do Estado a que isto chegou tal o gamanço que têm feito no Sector Público e que a moça e os outros querem acabar....

Foz Graça disse...

Vá lá, algo de sensato.

Rodrigues disse...

Cara Manuela, com tanta seriedade e austeridade, gostaria que explicasse aos portugueses porque razão, num mundo onde não há almoços grátis, aufere de um certo banco (que nem é português) um salário de administradora executiva quando é não-executiva. E gostaria ainda que explicasse como, tendo óbvios interesses privados ao mais alto nível, se vê como candidata a primeiro-ministro? Não acha que há uma certa incompatibilidade, num ano de eleições? Diga-me lá, a senhora vai á Igreja, defende a moral e os bons costumes... não se aplicam a si?
Só o inspector da judiciária é que não encaixa?

Serapião disse...

Pois o Bota tem de pensar na vidinha...
Mas, Manuela.....
E quanto ao seu amigo Borges, alguém nos explica a sua oportuna saída de um cargo de primeira linha de uma grande banco de investimento em vésperas de falência? E o senhor Santana, que ameaça ficar na história como "rolha", que seja qual for a direcção do partido flutua sempre...? Deve saber muita coisa negra, decerto?

Rosa disse...

O que MFL disse foi: "é inviável uma candidatura que possa dar a ideia de promiscuidade entre a justiça e a política".

Fernando Costa disse...

Ao retirar o apoio à dupla Bota-Gonçalo Amaral, Manuela tam bém disse que o PSD "está perfeitamente unido, independementemente de haver vozes discordantes, que sempre houve e haverá. Não temos ninguém a tentar formar uma facção como no PS"
Não se esqueçam!

Anónimo disse...

Muito porreiro essa montagem do Galiós!
Eis-ia: a bota que fala!

Anónimo disse...

ó Bota, e se contratasses antes o pai da Maddie???? toda a gente o conhece também

J. Ramos disse...

Castanheira Barros, ex candidato à liderança do PSD, diz que Manuela Ferreira Leite, mostra “tiques ditatoriais” ao rejeitar a candidatura de Gonçalo Amaral à Câmara Municipal de Olhão.
Ora imaginem!
Afinal, o Bota tem quem o defenda!

Maria de Jesus disse...

Também não se entende... se a Comissão Política Distrital de Faro aprovar a proposta da Concelhia de Olhão para que Gonçalo Amaral seja candidato à Câmara Municipal de Olhão a presidente do PSD não tem poder para impedir.... mas pode mandar na Comissão Coordenadora Autárquica ??????
Este PSD está sem rumo...
Volta Marques Mendes, estás perdoado!

L. V. B. disse...

Um anónimo ali atrás disse que o pai que matou (ou não) a miuda inglesa era bom para candidato a Olhão. Para que é que a gente precisa de estrangeiros?
O Mendes Bota pode convidar a Leonor Cipriano que é portuguesa e já confessou o assassínio da filha...
Também é muito conhecida!
Tenham juizo!

Anónimo disse...

A escolha de Gonçalo Amaral foi quase unânime na concelhia do Partido Social Democrata olhanense e o mediatismo do ex-inspector da PJ, envolvido nas investigações dos casos Joana e Maddie, foi mesmo um factor preponderante para a sua indigitação como candidato à Câmara de Olhão.

Célia P. disse...

Mendes Bota está calado em relação à candidatura de Gonçalo Amaral à Câmara de Olhão.
Porque raio faz ele a apresentação do livro do homem? Percebe alguma coisa de investigação? É algum entendido em literatura??????

Anónimo disse...

olha a bota falante!

PFF disse...

Pois uma bota falante que, desta vez não fala de re gi o na li za ção!!!! O tipo tá vidrado nessa!