já fizeram uma visitinha

Amazing Counters
- desde o dia 14 de Junho de 2007

segunda-feira, 16 de fevereiro de 2009

As escolas brincam ao Carnaval

depois do desfile dos «putos», o que lhes fica?
Imagem do «Carnaval infantil» de Loulé de 2008
A Câmara de Loulé atribuiu um subsídio de 10.660,00€ às escolas do concelho que integram o desfile de «Carnaval Infantil» que decorrerá no dia 21 de Fevereiro.

A verba destina-se a apoiar os custos com os trajes e com um pequeno lanche que será fornecido às 2132 crianças participantes, no final do desfile.

Os estabelecimentos de ensino da rede pública vão receber 8.525,00 euros e os da rede privada 2.135,00€.

Para quem esteja distraído: para escolas oficiais, 1.705 contos; para escolas particulares, 427 contos, mais tostão menos tostão.

Relembremos que a autarquia louletana «gastou» praticamente idên-tica quantia com o Plano Nacional de Leitura (10.500 euros), -«gas-tou» sensivelmente o dobro para o apoio à educação infantil (20.317 euros) e, para apoio às 1133 crianças mais carecidas «gastou» 90.000 euros, ou seja… 90 euros para os mais necessitados e 45 € para os menos miseráveis.

Isto significa que se gastasse menos com «carnavais», «paradas de horrores», «noites brancas» e outras assim-assim… os alunos poderiam ter bem melhores apoios e as escolas mais condições…

Opções!... Para quem se preocupa tanto com a educação e o bem estar das crianças...

4 comentários:

Profe disse...

Ok amigo José Carlos... se não dessem o dinheiro para as escolas fazerem o carnavalzinho, acha que o Batão se ia lembrar de comprar mais uns livrinhos para as escolas? ou que ia comprar material de cálculo multibásico para os putos dos jardins de infância?
O leonelzinho está lá... só à espera de... crescer!

Alfredo Cunha T. disse...

Então e os Pê-esses já têm candidato ou não? Esse tal de Hugi deve tar com o cu apertado para se apresentar diante do D. Seruca.
Tem medo que ele lhe trinque os ossos? Que eu saiba, o Dr. nunca comeu ninguém!
Pelos vistos, o Vairinhos deu-lhe com os pés e agora estão orfãos.
Pois é... não chega aos calcanhares do Vairinhos e nem sequer chega às solas dos sapatos do Dr. Seruca.
Vá, apresente-se! Seja lá homenzinho possa!

Anónimo disse...

Se dão dinheiro, é porque dão. Se não dão, deviam dar. Não dá para adivinhar. Mesmo assim, o PNL e esta verba foram subsídios. As escolas também têm que entrar com o delas. Têm verbas próprias. Os privados recebem de três lados (CML, clientes e estado...).

Miguel disse...

Lourenço,

Em relação ao Carnaval de Loulé, com o afastamento e provavel dissolução da ATAL e a atribuição de todas as receitas do Carnaval de Loulé para a Santa Casa, como será que a CML pensa pagar os custos de organização do Carnaval?

Os Bilheteiras, os Porteiros, Segurança e toda a organização ...!?

Em todo o caso, um BOM Carnaval pq a vida são apenas 2 dias ...!

Um Abraço da M&M & Cª!